A Associação Paraibana de Imprensa (API) divulgou nota nesta quarta-feira (19) repudiando as declarações feitas pelo deputado estadual Wallber Virgolino contra o jornalista Eliabe Castor.

Em conversa com o jornalista Eliabe Castor através de uma aplicativo de mensagens, o parlamentar, de acordo com a nota da API, foi grosseiro e usou de tom ameaçador. Ainda de acordo com a entidade, esta não seria a primeira vez que o deputado promove ataques à imprensa paraibana.

As declarações feitas pelo deputado, ressalta a API, aconteceram após o parlamentar ser citado em artigo criticando declarações anteriores. Texto este, que, de acordo com a API, “em nenhum momento do artigo, o jornalista atinge a honra do parlamentar, ao contrário, apresenta até alguns elogios a pessoa de Walber Virgolino”, pontua.

Entenda:
Opinião: Virgolino age como cangaceiro e defende violência como forma de intimidação

Leia também:
Opinião: se achando acima da lei, deputado Walber Virgolino faz ameaça a este colunista

Confira nota da Associação de Imprensa Paraibana (API) na íntegra:

Nota

A Associação Paraibana de Imprensa (API) vem a público externar seu total repúdio a forma grosseira e em tom ameaçador com que o deputado estadual Walber Virgolino (Patriotas) se dirigiu ao jornalista Eliabe Castor, do portal PBAgora.

Walber tem feito acusações a imprensa paraibana de forma generalizada e sem apontar nomes de profissionais e/ou empresas de comunicação que agem de forma antiética.

O parlamentar foi citado em artigo escrito pelo jornalista Eliabe Castor e publicado no site PBAgora com críticas as suas declarações. Em nenhum momento do artigo, o jornalista atinge a honra do parlamentar, ao contrário, apresenta até alguns elogios a pessoa de Walber Virgolino.

Porém, o parlamentar reagiu de forma extemporânea, com grosseria e em tom ameaçador afirmando que resolve seus atritos “na bala”.

Todos nós que fazemos a API e a imprensa livre no Estado da Paraíba e no Brasil, repudiamos tal postura e nos colocamos à disposição do jornalista Eliabe Castor para toda e qualquer atitude que ele deseje tomar com relação a este fato.

Destacamos ainda que à Imprensa no Brasil sempre foi protagonista nos momentos bons e ruins da história do país, e mais uma vez iremos resistir e sair mais fortes dessa onda de ataques promovidas por políticos.

A Diretoria

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em 18 meses da Operação Calvário, 55 envolvidos já foram denunciados

Desde dezembro de 2018, quando foi deflagrada a Operação Calvário, o Ministério Público da Paraíba denunciou 55 pessoas acusadas de integrarem o esquema criminoso que desviou recursos públicos de áreas…

CCJ da ALPB aprova criação do Memorial Covid-19 para homenagear vítimas

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), aprovou na manhã desta terça-feira (14), por unanimidade, o projeto de lei 1.841/2020, que institui o…