Por pbagora.com.br

Na visita de Índio, Rômulo cobra material de campanha e engajamento

 

O deputado federal Rômulo Gouveia (PSDB) roubou a cena no final da manhã de hoje na entrevista coletiva concedida pelo candidato a vice presidente da República na chapa de José Serra (PSDB), Índio da Costa (DEM). No auditório da Asplan, Rômulo, que compunha a mesa ao lado dos federais Efraim Filho e Major Fábio (DEM), além do senador Cícero Lucena (PSDB), não se fez de rogado e cobrou o envio à Paraíba de material de campanha do presidenciável tucano.

Ele se queixou da falta de uma estruturação básica da campanha e aproveitou para responder à sugestão de Índio, de que Ricardo Coutinho deveria trocar o apoio a Dilma Rousseff pela adesão a José Serra, já que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) apareceu ontem no guia de José Maranhão (PMDB) pedindo votos para o peemedebista.

– Fizemos uma carreata em Campina Grande mesmo sem o apoio de Ricardo a Serra. Isso foi discutido previamente. Desde a aliança que estabelecemos na Paraíba, foi claro para Serra e Aécio Neves que Ricardo vota em Dilma. Cássio, Efraim e Rômulo votam em Serra. Temos que respeitar a posição política de Ricardo que tem sua militância política. O que nós queremos na Paraíba é estabelecer a candidatura de Serra, com a instalação de comitês, com atividades, com a vinda de Serra, é importante a vinda de D. Mônica e vamos realizar uma grande mobilização em Campina Grande para recebê-la. Mas, precisamos definir a data da vinda de Serra à Paraíba para que ele possa conversar e trazer compromissos.

Dizendo-se à disposição para colaborar com toda as atividades promovidas, Rômulo acrescentou sua crença na possibilidade de reverter o quadro adverso enfrentado por José Serra nas pesquisas.

– Ainda há tempo. Serra é o mais preparado e não se esconde por trás de ninguém. Precisamos no Nordeste diminuir a diferença eleitoral que existe. É preciso firmeza do candidato na permanência das políticas sociais criadas no Governo FHC.

Rômulo teve que sair antes do final do evento. Quando ele deixava o auditório da Asplan, Índio declarou:

– O material chegou e já está no diretório do PSDB.

– Não chegou, não.

– Chegou ontem à noite – respondeu Índio.

– Se vocês fizerem campanha achando que chegou sem ter chegado, vão perder a eleição.

– Rômulo, calma em seu coração.

– Vamos distribuir material, vamos fazer campanha – devolveu o tucano.

– O que ganha eleição é carinho, amor e propostas – encerrou Índio.

Segundo o democrata, o comitê central de Serra será inaugurado às 17 horas da próxima segunda-feira, na avenida Monsenhor Walfredo Leal, em Tambiá.
 

 

Portal Parlamento PB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Após dificuldades na apuração pesquisa Veritá para o 2º turno em JP é cancelada

Um pesquisa que iria divulgar números da disputa pela PMJP no 2º turno, encomendada pelo Instituto Veritá, não será divulgada. A previsão era para esta sexta-feira (27) e deveria ouvir…

Reta final: candidatos que disputam 2º turno em JP buscam votos de indecisos

No próximo domingo (29), mais de 520 mil eleitores de João Pessoa, vão eleger o futuro prefeito da Capital para os próximos quatro anos. João Pessoa é a única das…