“O aval não é um favor, é uma obrigação”. A declaração foi dada nesta quinta-feira (1º) pelo governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), ao comentar a liberação dos empréstimos solicitados pela Paraíba junto ao Governo Federal. Apesar da declaração, João disse que os desentendimentos com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) estão superados e que o foco, agora, é seguir com o trabalho. As declarações do governador foram dadas nesta manhã após a entrega da obra de reforma e ampliação do Complexo Educacional Pedro Lins Vieira de Melo, em Mangabeira nesta quinta-feira (1°), como ponta pé das comemorações do aniversário de João Pessoa.

“Espero que o estado da Paraíba e todos os estados do Nordeste sejam tratados com o respeito que merecem. Não tem favor, é uma relação de respeito e a Paraíba tem feito um esforço gigantesco para ser o estado com a menor taxa de desemprego, para pagar os funcionários e fornecedores em dia, estamos fazendo concurso para professores, implantando PCCRs (Planos de Cargo Carreira e Remuneração), concurso de agente socioeducativo…”, ressaltou.

João lembrou que as notas obtidas pela Paraíba a credenciam a aquisição dos empréstimos, justamente pela responsabilidade com que firma seus compromissos.
“Somos Rating B, um dos três estados do Brasil que têm Rating B, que é uma nota dada pelo governo federal. Temos hoje três empréstimos que totalizam quase R$ 1 bilhão e a Paraíba precisa continuar investindo para manter o estado no patamar de ser o segundo melhor do país no ranking de competitividade e o primeiro do Nordeste.
De acordo com João, o empréstimo visa, sobretudo, oferecer condições de atrair mais emprego e renda e assim fomentar a economia do Estado.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Aliado de Bolsonaro na PB, Cabo Gilberto bate de frente com orientação de isolamento e cobra reabertura do comércio

Deputado Cabo Gilberto cobra retorno gradativo do comércio em Mangabeira: “Mudem essas ações” Na contramão das recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do próprio Ministério da Saúde, o…

Sob o comando de Pedro Cunha Lima, PSDB fica sem representante na CMCG

O presidente do PSDB paraibano, deputado federal Pedro Cunha Lima que também é filho do ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB), parece não ter o mesmo poder de persuasão do pai…