Quarenta e seis motoristas foram flagrados pela Operação Lei Seca e dois foram presos, em João Pessoa, no final de semana do feriado de Finados. Este é o resultado de três fiscalizações. A primeira começou na noite da sexta-feira (1º), na Avenida Beira Rio e só terminou por volta das 6h da manhã do sábado (2) na Avenida Cabo Branco. Somando os dois pontos de fiscalizações, 24 motoristas foram flagrados dirigindo embriagados, entre 97 veículos abordados e com a aplicação de 114 testes do bafômetro, mas nenhum foi preso.

 

No sábado (2) a Operação Lei Seca montou a barreira policial nas Avenidas Afonso Pena, no Bessa, e Cabo Branco. Foram flagrados 11 condutores embriagados, mas também não houve prisões.

 

Já no domingo (3) a fiscalização começou por volta das 16h, na avenida Hilton Souto Maior (estrada da Penha) e só terminou às 22h, na avenida Cabo Branco. Foram abordados 166 veículos e aplicados 191 testes do bafômetro. Dois motoristas foram presos, após reprovação no teste do bafômetro e com visíveis sinais de embriaguez.

 

Desde que foi criada, em 21 de setembro do ano passado, a Operação Lei Seca já abordou 36.183 veículos e aplicou 31.874 testes do bafômetro. Neste período, 2.291 motoristas foram flagrados dirigindo embriagados e 347 foram presos.

 

Só em 2013, foram abordados 23.788 veículos aplicados 22.865 testes do bafômetro. De janeiro até hoje, 1.620 motoristas foram flagrados pelo Operação Lei Seca dirigindo sob efeito do álcool e 237 foram presos.

 

Licenciamento 2013 – Com o prazo para o licenciamento 2013 da frota paraibana encerrado no dia 31 de outubro, pelos veículos com placa final zero, as fiscalizações no trânsito também estão focadas na verificação da documentação de veículos e condutores. A intenção é identificar e tirar de circulação veículos que estejam com o licenciamento em atraso.

 

A frota paraibana é de 949.935 veículos e, até o final do mês de setembro, os relatórios do Detran registravam uma inadimplência de 36%, o que significa que 346.779 estavam com o licenciamento em atraso. Em João Pessoa, a inadimplência atinge 29% da frota, o que representa 88.361 veículos. Só no último final de semana, foram recolhidos ao pátio do Detran 35 veículos com o licenciamento em atraso.



Redação com Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado explica motivos de críticas e nega afastamento político do prefeito Romero Rodrigues

Após formular críticas a gestão municipal por meio das redes sociais, o deputado federal Julian Lemos (PSL) afirmou que continua apoiando a administração do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues…

João Azevedo anuncia a Delegacia de Roubos e Furtos de Patos e a de Combate à Corrupção do Estado

O governador João Azevedo anuncia, em solenidade na próxima terça-feira, às 10h00, na sede da Acadepol, a criação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos na cidade de Patos-PB e…