Por pbagora.com.br

O deputado estadual Wilson Filho (PTB), comentou essa semana (12), no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), a posição do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), de elogiar o presidente da República Jair Boslonaro pela liberação de R$ 1 milhão para respeito à obra que visa conter a queda da Barreira do Cabo Branco. Ele lembrou que quando deputado federal, disponibilizou uma emenda de R$ 6 milhões para um projeto de contenção que custaria R$ 12 milhões. “Ele só usou 2,9% dos recursos”.

Para Wilson, o prefeito não adiantamento a essa obra e preferiu outro projeto que custaria R$ 65 milhões, mas até agora a obra não teve conclusão, porque os recursos não chegaram. “Agora, o prefeito comemora a liberação, pelo Governo Federal, de apenas R$ 1 milhão. E os R$ 6 milhões ainda estão lá, mas ele não usa, só para não elogiar o nosso mandato. Enquanto ele estiver na prefeitura, a obra não sai”, disse Wilson.

De acordo com Wilson devido a morosidade por parte da PMJP, vários pedados da falésia já caíram. “Quantos pedaços da Barreira cairão por culpa desta morosidade? Obviamente, neste tempo, eu realizei audiências públicas, cobranças públicas ao prefeito Luciano Cartaxo e o meu maior desejo, aquilo que eu mais externava era a vontade de ver a obra não apenas começando, mas de vê-la concluída para que nossos filhos e netos possam saber da beleza que João Pessoa tem”, finalizou.

 

Redação

Notícias relacionadas

Calvário: MP pede soltura de Edvaldo e Pietro e eleva especulações sobre delação

A manifestação do Ministério Público da Paraíba (MPPB) pela conversão das prisões de Edvaldo Rosas e Pietro Harley em medidas cautelares elevou entre juristas as especulações de que eles teriam…

Em nota, ALPB esclarece que ação da PGR não interfere na atual mesa diretora

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) esclarece que a ação direta de inconstitucionalidade (ADI), apresentada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, no Supremo Tribunal Federal (STF), questionando dispositivo da Constituição…