O vereador Bruno Farias (Cidadania), declarou em entrevista a uma emissora de rádio da capital na tarde de ontem (25) responsabilizou o prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo (PV) por parte da crise pelo que passa o Hospital Napoleão Laureano, divido aos mesmo não ter repassado as emendas impositivas destinadas ao hospital de oncologia.

“A unidade passa por crise econômica. O déficit deste mês atinge R$ 1,5 milhão. Qual o motivo de não destinar o valor das emendas impositivas de R$ 1,8 milhão? Já seria um mês inteiro sem déficit no Laureano, caso esses recursos tivessem sido destinados”, disse Bruno.

De acordo com Bruno os vereadores ao votar a favor das emendas, não violaram a Constituição e seguiram posicionamento do Congresso na busca de reforçar o papel do poder legislativo não apenas na elaboração como na execução orçamentária.

“O prefeito não se emenda quando o assunto são as emendas impositivas”, disse Bruno, destacando ainda que Cartaxo dizia publicamente que era a favor das emendas, quando nos bastidores articulava de forma contrária.

“Essas emendas não são pra mim não. Isso é a sinalização que a máscara dele caiu, ele dizia defronte às câmeras e microfones que sempre foi a favor das emendas, mas na verdade sempre conspirou contra nos bastidores e agora sua índole de perseguição veio à tona” disparou.

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Barbosa minimiza possibilidade de mais deputados da base serem citados na Calvário

Após a deputada estadual Estela Bezerra (PSB) ser citada na Operação Calvário e ter colocado seus sigilos bancário, patrimonial e telefônico à disposição da Justiça, para que, segundo ela, tudo…

Aguinaldo Ribeiro diz que momento é ideal para a entrega da Reforma Tributária ao Brasil

O relator da Reforma Tributária na Câmara e líder da maioria na Casa, deputado Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) participou de um debate promovido pela Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon) onde…