Por pbagora.com.br

O fim das coligações proporcionais vem preocupando muitos líderes partidários, já que a medida já entra em vigor a partir das próximas eleições municipais. A medida estabelece o fim das coligações nas eleições proporcionais, ou seja, para os cargos de vereador, deputado estadual, deputado federal e deputado distrital. Contudo, continua existindo as coligações para as eleições majoritárias, ou seja, para os cargos de prefeito, governador, senador e presidente da República. Tal medida foi analisada pelo advogado Fábio Brito, presidente do Instituto de Direito Eleitoral da Paraíba (Idel-PB), que considera que a medida ajudará em muito acabar com os acordos de última hora feitos por líderes partidários e ajudará, portanto, a fortalecer a democracia.

 

“O sistema proporcional permanece inalterado, porém sem as coligações”, disse destacando que isso diminuirá as alianças feitas unicamente para criar os puxadores de votos que ajudam muitos a entrarem na sobra dos votos dos puxadores.

 

Segundo o advogado Fábio Brito, com as coligações proporcionais como estavam facilitava muito o acesso de quem não tinha obtido a maior quantidade de sufrágios eleitorais. “Uma das mais frequentes e impactantes para o eleitor era visualizar a coalizão circunstancial de partidos com discursos e ideologias distintos e, até mesmo, antagônicos. Agora, a habilidade que terá cada partido para atrair e concentrar o maior número de candidaturas na própria agremiação será estratégica e fundamental para o sucesso na eleição das bancadas de vereadores no próximo ano”, afirmou.

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Notícias relacionadas

Viúva de Zé Maranhão reforça afeto com senador Veneziano e família

Por meio das redes sociais do ex-governador e ex-senador José Maranhão, vítima dos efeitos da Covid-19, sua esposa a desembargadora Fátima Bezerra Maranhão, postou um artigo, onde detalha os sentimentos…

Cícero diz que não recebeu planejamento ou identificação de áreas alagadas de JP

Durante entrevista à Rádio Arapuan FM, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas) detalhou a força-tarefa que está sendo realizada por secretarias para dirimir os efeitos das fortes chuvas…