Por pbagora.com.br

A Paraíba conseguiu reduzir o número de casos de arboviroses em cerca de 6,6% em um ano. É o que aponta relatório da Secretaria de Saúde do Estado (SES). Até a sétima semana de 2020, foram feitos 767 registros de dengue, zika ou chikungunya, doenças causadas pelo mosquito aedes aegypti. Já no mesmo período de 2019, foram 818 notificações. Os dados foram divulgados em um boletim epidemiológico emitido pela Secretaria de Estado da Saúde nesta segunda-feira (2).

Mesmo com a redução no número de casos, o estado foi apontado pelo Ministério da Saúde (MS) como uma das regiões com risco de surto do vírus da dengue neste ano.

Em 2020, já foram registrados 667 casos prováveis de dengue, 85 de chikungunya e 15 de zika.
Conforme o boletim da SES, a maior parte dos casos notificados se concentra nos municípios do Conde, João Pessoa, Santa Rita, Monteiro, São João do Tigre, Zabelê, Bom Jesus, Bernadino Batista e Santarém.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Louro Santos fez show em CG antes de ser diagnosticado com covid-19

Dias antes de ser diagnosticado com a Covid-19, doença que lhe tirou a vida nesse domingo (22), o cantor e compositor Louro Santos fez seu último show em uma boate,…

Morre médico que presidiu a Unimed Campina Grande

Morreu em Campina Grande, dr. Arlindo Carvalho do Nascimento, 77 anos, ocorrida neste domingo na Clínica Santa Clara. A morte foi informada pela Associação Médica de Campina Grande, Ele diplomou-se…