A Paraíba o tempo todo  |

Em caso extremo, Hospital de Clínicas de CG pode receber pacientes de JP

Com o avanço do Covid-19 na Paraíba e com os leitos de UTIs se aproximando dos 50% de ocupação, a Secretaria Estadual de Saúde (SES), já planeja recorrer aos hospitais particulares que também tem leitos disponíveis para atender os pacientes infectados com o vírus.

O secretário Geraldo Medeiros confirmou que em casos extremos, o Hospital de Clínicas em Campina Grande, pode receber pacientes de João Pessoa. O Hospital está sendo construído na antiga Casa de Saúde Francisco Brasileiro, no bairro da Prata.

O secretário disse que a situação na Capital paraibana está crítica e que 76% dos leitos de UTI adulto estão ocupados com pacientes portadores do vírus. De acordo com ele, esse número elevado pode significar um colapso da rede pública de saúde em meados de maio.

– A previsão é de que continuemos em todo o mês de maio com o pico de incidência de novos casos confirmados da Covid-19 e também das mortes. Os números estão mostrando isso, através de nosso boletim diário, e é fundamental que as pessoas permaneçam em isolamento domiciliar. Não se pode brincar com isso. Tivemos um aumento no número de casos confirmados porque o Estado está realizando uma testagem intensa com os testes rápidos e, daí, houve esse aumento vertiginoso isso, inclusive, faz cair nossa taxa de letalidade, que estava elevada, e assim chegarmos a níveis de 6.6% a 7% até o final do mês – disse Geraldo.

A Paraíba tem 1.219 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas neste domingo (3). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 79 no estado desde o início da pandemia. Uma cidade da Paraíba registrou seu primeiro caso. O Estado praticamente chegou ao pico da doença, e a expectativa é que a curva do Covid-19 mude de direção.

Dos 370 leitos de UTI previstos no plano de Contingência para Coronavírus, 171 já estão ativos, 50% deles ocupados.

Severino Lopes
PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe