Por pbagora.com.br

Com pouco estoque de doses, Campina Grande vai vacinar apenas profissionais de saúde em hospitais, nesta quarta-feira (28), contra a Covid-19. Também serão vacinados os os profissionais que vão receber a segunda dose.

A aplicação primeira dose da vacina foi suspensa nesta quarta-feira (28), para idosos a partir de 60 anos e alguns profissionais de saúde, bem como a aplicação da segunda dose do público que ainda está em atraso.

Segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), apenas profissionais de saúde que trabalham nos hospitais e ainda não se vacinaram vão receber a primeira dose, além da segunda dose para os trabalhadores que já estão em tempo de receber. Para receber a primeira dose, é necessário que uma relação com os nomes dos profissionais seja fornecida pela direção dos hospitais.

Desde o último sábado (24), a prefeitura estava vacinando todos os profissionais da saúde, incluindo profissionais de educação física, nutrição e psicologia.

Diante dessa decisão, o Ministério Público da Paraíba (MPPB), o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) emitiram uma nota à prefeitura para que a vacinação contra a Covid-19 dos profissionais de saúde se restrinja especificamente aos trabalhadores que atuam em estabelecimentos de assistência, vigilância à saúde, regulação e gestão de saúde.

Com a determinação, fica temporariamente suspensa a vacinação para os profissionais que trabalham em academias de ginástica, óticas, salão de bezerra, clínicas de estética, estúdios de tatuagem e estabelecimentos de saúde animal. Há ressalva para os profissionais de educação física que comprovarem atuação em hospitais, clínicas ou serviços de tratamento pós-covid.

Redação

Notícias relacionadas

Covid-19: PB registra 1.091 novos casos e 23 óbitos nas últimas 24h

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) da Paraíba registrou, neste sábado (15), 1.091 casos de Covid-19. Entre os confirmados hoje, 19 (1, 7%) são casos de pacientes hospitalizados e…

CG: em novo decreto, Bruno estabelece regras para os ensinos público e privado

Em novo decreto, publicado também na noite desta sexta-feira, 14, o prefeito Bruno Cunha Lima trata exclusivamente do setor educacional em Campina Grande. A mudança mais significativa diz respeito à…