A Paraíba o tempo todo  |

Bebê que nasceu com 982 gramas deixa UTI em João Pessoa e ganha ensaio fotográfico do Hospital

O pequeno Benjamin nasceu com apenas 982 gramas, com 28 semanas, de forma prematura e com diversas complicações. A luta travada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Hapvida em João Pessoa surtiu efeito e agora, 44 dias depois, com 1,7 kg, ele já pôde ir para a Enfermaria, área voltada para pacientes com quadros mais estáveis. A história de Benjamin e de sua família emocionou toda a equipe do hospital, que resolveu surpreendê-los com um ensaio fotográfico para marcar o momento de superação.

Em estilo “new born”, o bebê foi clicado por uma fotógrafa profissional em várias poses ainda na UTI pediátrica. A mamãe de Benjamin, Isabel Cristina, também participou do ensaio e celebrou o presente que receberam. “Nunca imaginei ganhar uma surpresa dessas. Hoje é um dia duplamente feliz, primeiro pela saída do meu filho da UTI e agora, esse ensaio cheio de carinho”, comentou.

O ensaio faz parte do projeto ‘Realize um Sonho’, desenvolvido pelo Hospital do Hapvida em João Pessoa, que busca acolher de forma humanizada o paciente e a família que passam por um momento difícil dentro da unidade de saúde. No projeto, os profissionais da unidade buscam identificar histórias e sonhos que são possíveis de realizar a cada mês.

Luta pela vida – Isabel Cristina estava na 28ª semana de gestação quando entrou em trabalho de parto e deu à luz ao bebê, em 22 de dezembro do ano passado. Benjamin nasceu com icterícia, cardiopatia, problemas renais e precisou passar por procedimentos como drenagem no tórax e entubação. Ele ainda sofreu uma parada cardiorrespiratória e foi reanimado pelos médicos. Após as intervenções médicas e avanço no quadro, ele passou para a enfermagem 44 dias depois de ter nascido.

Mãe de primeira viagem, Isabel relembra os momentos difíceis e acredita que o filho viveu um verdadeiro milagre. “Foi muito difícil, mas eu fiquei pensando nele e isso me dava forças. Estou muito grata a Deus por ter ele aqui, agora estou com o coração tranquilo, feliz”, celebrou ela, que agradeceu a atenção médica recebida desde sua entrada na unidade.

Assistência multidisciplinar – O bebê foi cuidado por uma equipe multidisciplinar, formada por mais de 20 pessoas, entre médicos, nutricionista, fisioterapeuta, enfermeiros, técnicos de enfermagem, cirurgião, fonoaudiólogo, assistente social e demais profissionais que atuam na unidade. “É uma alegria e gratidão pelo trabalho desenvolvido por todos e por ver a felicidade da família. Benjamin é um verdadeiro guerreiro”, afirma a diretora médica da unidade e pediatra, Georgia Campos.

Benjamin chegou a utilizar sonda nasogástrica para ganho de peso, mas já retirou o utensílio e agora pode contar com a presença constante de sua mãe, que torce pelo momento da alta médica. Pesando 1,7 kg,  cada grama conquistada agora tem sido fundamental para sua recuperação e acelera sua ida para casa.

 

Da Redação com Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      14
      Compartilhe