Por pbagora.com.br

Em meio a pandemia do novo coronavírus, a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou estado de calamidade pública em 43 cidades da Paraíba devido à pandemia do novo coronavírus.

O decreto foi promulgado pelo presidente da Casa e publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (14).

Os efeitos do reconhecimento da ocorrência do estado de calamidade pública vai perdurar durante o período de tempo estabelecido no decreto municipal encaminhado à Assembleia Legislativa, ou até o dia 31 de dezembro de 2021 ou quando ocorrer o término do período de emergência internacional de saúde, reconhecido pela Organização Mundial de Saúde.

Na prática, o decreto legislativo libera os gestores a contratar sem licitação e adiar o pagamento de dívidas públicas, por exemplo, até o dia 31 de dezembro deste ano ou enquanto durar a pandemia da Covid-19.

Redação

Notícias relacionadas

Infectologista alerta para importância da vacinação contra Influenza

Com a campanha de imunização em pleno andamento no Brasil, o médico infectologista e diretor do Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa, Fernando Chagas, alertou para a importância da vacina…

Cabedelo vacina contra Covid-19 pessoas a partir de 18 anos com deficiência permanente

Dentro do plano de vacinação contra a Covid-19, a Prefeitura de Cabedelo vacina nesta segunda-feira (17), pessoas a partir dos 18 anos com deficiência permanente e sem o Benefício de…