A governadora Yeda Crucius (PSDB), do Rio Grande do Sul, visitou no início da tarde desta sexta-feira o governador Cássio Cunha Lima. Em contato com a imprensa, Yeda disse estar convencida da inocência de Cássio no processo de cassação em tramitação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e que ele começou a comprová-la perante os ministros.

“Nesse processo, o governador prova que o programa assistencial tem base legal e já existia bem antes do período eleitoral”, observou Yeda Crucius. Segundo a governadora do Rio Grande do Sul, alguns ministros já começam a reavaliar a decisão do dia 20 de novembro, com base nos argumentos dos memoriais distribuídos por Cássio no TSE.

Acompanhada da filha, Tarsila, Yeda Crucius disse lamentar que, eventualmente, por conta de questões como essas levantadas pelo Ministério Público, que carecem de esclarecimentos, o gestor público termine por desprender muita energia em sua defesa. “Mas faz parte, e não tenho dúvidas de que Cássio tem plenas condições de reverter a situação”, expôs ela.

 

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vereadores recuam de CPI para investigar secretário da Prefeitura de Pedras de Fogo

Em menos de sete dias os vereadores Gel Bulhões, Jurandir De Danda e Fabiano Silva voltaram atrás e rejeitaram requerimento apresentado pela bancada de oposição na Câmara de Pedras de…

Previdência: oposicionista elogia postura de Galdino diante de impasse

Diante do clima quente verificado na Assembleia Legislativa da Paraíba, ALPB, na manhã desta quinta-feira, dia 12, com a ocupação do plenário por representantes de categorias de servidores estaduais, o…