O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP), após reunião com líderes do ‘blocão’ da maioria na Câmara Federal anunciou a retirada do texto apresentado pelo presidente da República Jair Bolsonaro para a reforma da Previdência o trecho que trata da aposentadoria dos trabalhadores rurais.

O grupo de líderes emitiu nota explicando o motivo para a realização da alteração que, segundo Aguinaldo, penaliza os que mais precisam. O deputado acrescentou ainda, que os líderes também querem alterações no que diz respeito aos “beneficiários do programa de prestação continuada. São pessoas com deficiência e também aqueles com idade superior a 65 anos, que vivem em estado de reconhecida miserabilidade”, disse.

Veja vídeo:

Confira nota na íntegra:

Os líderes partidários que subscrevem esta nota vêm a público informar que após consulta as respectivas bancadas, considerando que qualquer reforma previdenciária  deve ter como princípios maiores a  proteção aos mais pobres e os mais vulneráveis, decidiram retirar do texto a parte que trata igual as desiguais que penalizam quem mais precisa.

Para tanto, vamos suprimir da proposta originária as regras que atingem os já tão sofridos trabalhadores rurais e os beneficiários do programa de prestação continuada. São pessoas com deficiência e também aqueles com idade superior a 65 anos, que vivem em estado de reconhecida miserabilidade.

Decidiram ainda, que como forma de garantirem segurança jurídica a todos os que serão impactados por esta tão importante e necessária reforma, não permitirão a desconstitucionalização generalizada do sistema previdenciário do país.

 

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em nota, Governo do Estado expressa pesar pela morte de Marcus Odilon

O Governo do Estado, através de nota, expressou pesar pela morte do ex-prefeito de Santa Rita Marcus Odilon. A administração estadual disse estar solidária a dor de amigos e familiares.…

Pós-folia os pré-candidatos paraibanos devem focar nos prazos eleitorais e convenções

Como se diz “Tudo no Brasil, começa após o carnaval”, essa máxima também é levada a política, onde os pré-candidatos nas eleições devem dar o start oficial as suas pretensões…