O prefeito Veneziano Vital do Rego (PMDB) declarou na tarde desta segunda-feira (16) que a indefinição sobre a escolha do secretário titular da Interiorização do Governo tem retardado as relações institucionais do governo com as prefeituras. A secretaria está sem o titular desde que o PSB do prefeito Ricardo Coutinho criou o impasse com a convocação do deputado Guilherme Almeida (PSB) para o cargo.

“As relações institucionais entre o governo e muitas prefeituras do interior já poderiam ser tratadas não fosse a falta de um condutor definitivo na Secretaria de Interiorização”, disparou Veneziano, que defendeu pessoalmente a indicação de Guilherme, ex-secretário da prefeitura de Campina Grande.

Veneziano declarou ainda que o governador José Maranhão (PMDB) já reafirmou a intenção de ter Guilherme nos quadros do governo. O parlamentar espera, no entanto, a nomeação. Por enquanto, a pasta vem sendo chefiada pelo Secretário Executivo, Francisco de Assis Costa.

O PSB não aceita que Guilherme Almeida deixe a Assembléia para evitar que Nadja Palitot, considerada adversária do prefeito Ricardo Coutinho, assuma um assento no Legislativo estadual.


PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Para Jackson, fim do financiamento público de campanha ameaça eleições

Em entrevista nesta terça-feira (31), o presidente estadual do PT da Paraíba, Jackson Macêdo, rejeitou a tese de fim do financiamento público de campanha após a justiça do Rio de…

Inácio Falcão defende união da oposição em CG: “É um projeto coletivo”

O deputado estadual Inácio Falcão estuda a possibilidade de se licenciar da Assembleia Legislativa da Paraíba para direcionar suas atenções ao pleito eleitoral deste ano em Campina Grande. Em outubro,…