A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou por 12 votos a 3 a concessão do título de cidadania pessoense ao presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Antes de ser aprovado o projeto gerou muito bate boca entre os vereadores e os parlamentares que votaram contra, Sandra Marrocos, Marcos Henriques e Thibério Limeira, questionaram o número de votos necessários para a aprovação.

De acordo com o regimento para ser aprovado, o título teria que ter obtido 2/3 dos votos dos parlamentares. Marcos Henriques questionou que teria que ser a totalidade dos parlamentares, mas o presidente João Corujinha ressaltou que a parcela é referente à quantidade de vereadores presentes.

Diante do impasse, a vereadora Eliza Virgínia, que faz parte da Mesa Diretora foi enfática:

"Quem não aceitar vá para a Justiça" disparou.

PB Agora

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Protagonizaram essa saída de Edvaldo e ele agigantou-se”, diz líder sobre Rosas

O mandato do presidente estadual do PSB da Paraíba, Edvaldo Rosas, vai até o final de 2020 e assim deve ser concluído. Só após esse período é que o comando…

Duelo dos girassóis: foi deflagrado o rompimento do grupo político de Ricardo Coutinho e João Azevêdo, ambos do PSB

Fontes palacianas informaram ao PBAGORA que o caminho é sem volta. “Está rompido”, disse um interlocutor que não quis se identificar, referindo-se ao rompimento entre o ex-governador Ricardo Coutinho e…