Por pbagora.com.br

O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) elevou o tom contra o governador José Maranhão (PMDB). Diante das declarações de Maranhão, publicadas no PB Agora, dando conta de que Ricardo poderia escolher quem bem quisesse pra sua equipe, sem precisar consultá-lo, o prefeito foi enfático: “Ainda bem que ele sabe que sou um homem livre, que não preciso pedir autorização a ninguém para nomear quem em bem entender em meu governo”.

Para Ricardo Coutinho, que concedeu entrevista por telefone ao Programa da Rádio 101 FM, de João Pessoa, sua postura de independência na gestão administrativa sempre foi conhecida por toda a Paraíba. “Já disse que, em minha história de homem público, nunca fui dado a ter padrinhos”, resumiu o prefeito da Capital.

Ricardo Coutinho se encontra em Campina Grande, onde foi participar, na manhã desta terça-feira, de uma sessão especial na Câmara Municipal em homenagem às mulheres. Na oportunidade, o prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) não esteve presente ao evento.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Justiça volta a suspender eleições indiretas em Bayeux após imbróglio partidário

Não chegou a durar nem 24h a decisão sobre a realização das eleições indiretas na cidade de Bayeux. É que uma nova decisão judicial expedida na tarde desta terça-feira (11)…

Raoni anuncia José Carneiro de Carvalho Neto como coordenador de campanha

O pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Raoni Mendes (DEM), apresentou, na manhã desta terça-feira (11) o publicitário José Carneiro de Carvalho Neto, presidente do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores…