O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) é farmacêutico, mas no lugar de remédio recomendou “chá de Camomila” para os políticos que estiverem incomodados com suas andanças pelo interior do Estado. A prescrição foi feita durante sua visita, nesta sexta-feira (13), a Cajazeiras, onde o prefeito da Capital apresentou experiências do Orçamento Democrático em João Pessoa para a administração pública local em seminário. Em Campina Grande, o prefeito Veneziano Vital do Rego (PMDB) fez insinuações a respeito de campanha antecipada.

“Quem estiver com inveja da minha peregrinação que tome chá de camomila. Não estou aqui como candidato, mas posso ser. E tenho o direito de andar”, declarou. Durante a coletiva, Ricardo admitiu ser candidato ao governo em 2010, embora não tenha sido enfático em momento algum. Ele apenas disse que “a Paraíba está cansada da briga do cordão vermelho e o cordão azul, precisando de novos nomes”, declarou.

À tarde, o prefeito da Capital participou de sessão especial na Câmara de Cajazeiras para implementação do programa de micro-crédito na cidade.
 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PSL ou PRTB? Eduardo diz que povo é que definirá quem sairá candidato

O deputado estadual e pré-candidato à Prefeitura de João Pessoa, Eduardo Carneiro (PRTB) afirmou na tarde desta sexta-feira (3) que não haverá problema em relação a escolha do candidato a…

No páreo: Inácio Falcão mantém pré-candidatura à PMCG pelo PCdoB

Inácio Falcão reúne pré-candidatos e militância e discute ‘Cidades Democráticas’ em plenária do PCdoB O deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Campina Grande, Inácio Falcão, participou de uma plenária…