Por pbagora.com.br

Ligação inesperada

O deputado federal Armando Abílio (PTB) recebeu, na semana passada, um telefonema curioso, que o deixou com uma pulga atrás da orelha. O ministro de Relações Institucionais, José Múcio , do seu partido, lhe telefonou, todo enigmático.

Abalo sísmico

Após tomar pé da situação política na Paraíba, Múcio terminou por comunicar a Armando Abílio, em tom de confidência, que o PTB paraibano receberá, em breve, uma filiação que certamente mexerá com a estrutura do partido no Estado.

Pensando bem…

…quais as grandes lideranças paraibanas teriam esse poder de, aderindo ao PTB, abalar a estrutura partidária do PTB no Estado ?

É candidato

O senador Roberto Cavalcanti (PRB) é candidatíssimo à reeleição. Bob, que está adorando o fato de não precisar mais abrir portas, porque há sempre alguém para fazer essa atividade rudimentar para ele.

Im(p)unidade

Além do mais, há um detalhe muito confortável para quem, eventualmente, tinha de passar pelo constrangimento de, na condição de simples mortal, atender aos chamamentos da justiça: o foro privilegiado do Supremo Tribunal Federal. É quase um paraíso para quem tem responde a quase 100 processosl

Exílio voluntário

O ex-governador Cássio Cunha Lima resolveu mesmo levar a sério esses dias de descanso fora do Estado. Viciado em mensagens telefônicas, Cássio resolveu inclusive desligar o aparelho celular. Quando é o caso, só tem se comunicado por e-mail durante esses dias.

Reserva para adesões

É fato: as secretarias que ainda não foram preenchidas pelo governador servem para contemplar futuros e possíveis adesistas ao Maranhão III.

Perguntinha cabulosa

Um assessor do ex-governador Cássio foi surpreendido por um articulista político. Foi perguntado se o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho, seria convidado para a festa de aniversário de Cássio, que acontece no dia 5 de abril, no Parque Ivandro Cunha Lima, em Campina Grande.

Por falar no aniversário

O senador Cícero Lucena, presidente do PSDB paraibano, trabalha para trazer o alto tucanato nacional para a festa de Cássio.

Mostrando força

O governador deixou evidente que tem prestigio com a presidência da República. Em 15 dias, José Maranhão foi recebido duas vezes pelo presidente Lula.

Duvidinha vermelha

Será que em alguma dessas audiências o vice-governador petista Luciano Cartaxo não foi convidado pelo companheiro Lula para, pelo menos, um cumprimento partidário?
 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano debate com Associação Nacional dos Procuradores projetos em análise pelo Congresso

A diretoria da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) teve reunião nesta na última terça-feira (11) com o senador Veneziano Vital do Rego (PSB-PB), para tratar de diversas pautas…

Câmara derruba veto e assegura proibição de fogos com efeito sonoro em eventos da PMJP

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) derrubou nesta quinta-feira (13) o veto do prefeito da Capital ao projeto de Lei 965/2018, de autoria de Thiago Lucena (PRTB), que proíbe…