Após encontro interno neste sábado (14), a direção estadual do PT decidiu permanecer na base de sustentação do governo João Azevêdo (Cidadania).

De acordo com a resolução aprovada pelo diretório, o partido reconhece “que o governo tem mantido uma agenda de desenvolvimento social para aqueles(as) que mais precisam das políticas públicas”.

A decisão foi tomada apesar das críticas feitas ao governador por ter se filiado ao Cidadania.

Entretanto o PT descarta, a princípio, se juntar ao partido do governador nas eleições municipais. A aliança deverá focar no PSB, PC do B, REDE, PDT, PSOL e UP.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Efraim destinou recursos para Associação Rural em Brejo do Cruz receber um trator

O deputado federal Efraim Filho (Democratas) anunciou que empenhou recursos para o município de Brejo do Cruz. O dinheiro é destinado para a área de agricultura. Foram ao todo R$…

“O que não deixa a saúde funcionar é a corrupção e falta de gestão”, diz Ruy

A falta de informatização na gestão da saúde em João Pessoa compromete o atendimento às pessoas e dá margem para corrupção. Este foi um dos problemas apontados durante entrevista nesta…