O presidente estadual do PTC, Neto Franca, acredita que as prisões de
alguns filiados ao Partido dos Trabalhadores (PT), inclusive de lideranças
como o deputado licenciado José Genoino e o ex-ministro da Casa Civil, José
Dirceu, não muda em nada o processo político no Brasil ou na Paraíba.

Neto Franca lembra que os escândalos envolvendo grandes nomes do PT foram
denunciados ainda no governo Lula, que mesmo assim, conseguiu ser reeleito
e ainda eleger Dilma Rousseff presidente do país.

Para Neto, tais fatos só demonstram que as atuais políticas implantadas
pelo PT, com o importante apoio de partidos aliados, tem dado certo no
Brasil.

O presidente do PTC paraibano também acredita que o povo possui clareza
suficiente para saber separar as coisas na hora de votar.

Franca acredita que, na Paraíba, é forte a tendência de um bloco político
formado pelo PP e PSC lançarem candidato ao Governo do Estado, e, num
provável segundo turno, se unir com as demais legendas da oposição para
assegurar a vitória no pleito em 2014.

 

Ascom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Pré-candidato à PMJP, Raoni Mendes articula alianças: “É a hora de trocarmos os tecidos”

O pré-candidato à Prefeitura Municipal de João Pessoa, Raoni Mendes, tem trabalhado com o intuito de obter aliados relevantes para apoiar sua candidatura na Capital. Embora o contato e as…

Ludgério trata Bruno como ‘quadro valoroso do PSD’, mas reforça que segue no páreo

Reconhecimento a quadros valorosos do nosso partido. A declaração é do deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) que tratou o respaldo do presidente nacional da sigla, Gilberto Kassab, ao nome do…