Por pbagora.com.br

O presidente estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Jackson Macedo, enquanto aguarda uma reunião do partido para avaliar a permanência ou não do sue partido na base de sustentação do governador João Azevêdo (Cidadania), está articulando sua sigla vistas às eleições municipais deste ano nos principais colégios eleitorais do Estado, com destaque para João Pessoa e Campina Grande.

Na capital, segundo Jackson a meta é eleger no mínimo três vereadores, sendo um destes o atual vereador Marcos Henriques. “Em março (no dia 16), vamos filiar Sandra Marrocos (atual vereadora do PSB). Outro que retorna ao partido é o advogado Antônio Barbosa”, disse Jackson. O PT estuda ainda filiar novos quadros a sigla e lançar ou não um nome a prefeitura da capital, neste caso é lembrando o nome do ex-deputado federal e atual secretário da Agricultura Familiar da Paraíba Luiz Couto.

Já em Campina Jackson Macedo afirma que o diretório municipal, por meio do presidente Hermano Nepomuceno, está atuando para voltar a ter um representante na Câmara Municipal. Desde a eleição de 2008, quando Peron Japiassu assumiu mandato, após ficar como suplente, que o PT não tem um representante no Legislativo municipal.

Segundo Nepomuceno, afirmou que o PT pretende aglutinar forças e trabalhar para “criar uma frente oposicionista nas eleições deste ano. Como forma de colocar em prática a estratégia para o pleito deste ano, Hermano já esteve participando de uma articulação, denominada Fórum Pró Campina, com vários líderes de partidos como PCdoB, PSB, PSOL e PDT, no sentido de trabalhar a construção de uma frente de oposição na cidade.

Segundo Hermano, a pretensão é de realizar a apresentação do Fórum Pró Campina na primeira quinzena de fevereiro, antes do Carnaval. “Nós ponderamos que este não é o momento do partido estar isolado. Vamos dar um tratamento preferencial à Câmara dos Vereadores”, disse.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Pedras de Fogo: Manoel Jr cobra investigação sobre execução de empresário

O pré-candidato a prefeito de Pedras de Fogo, Manoel Júnior (Solidariedade), se reuniu, nessa quinta-feira (13), com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, e com o secretário estadual de Defesa…

Opinião: a sucessão em João Pessoa sem Cícero e Ricardo será uma disputa de cacarecos com testas de ferro

A definição do quadro para a sucessão do prefeito Luciano Cartaxo vai depender das condições legais para Cícero Lucena e Ricardo Coutinho participarem da disputa. Desde já, pelo menos três…