APROPRIÇÃO INDÉBITA – O vereador da cidade de Santa Rita Olavo Martins (PMDB), revelou ao PB Agora que busca uma explicação urgente do atual presidente da Câmara de Santa Rita, empresário do ramo de supermercados Ednaldo do Edilicya, sobre o destino dos 50% retidos da folha da câmara de Santa Rita.

Segundo o vereador, até agora não houve nenhuma explicação no atraso da folha dos funcionários, já que não se sabe o destino e como foi utilizada a totalidade do duodécimo, transferido no último dia 20 de janeiro, que foi de R$ 280 mil.

Para Olavo de Baleia isso é algo muito estranho: “Trata-se de crime previsto no Código Penal. O artigo 168 descreve isso como crime de apropriação indébita. Eu só sei que as prateleiras do supermercado dele estão abarrotadas”, ironizou vereador Olavo de “Baleia” Martins.

O salário bruto de um parlamentar no município de Santa Rita é hoje R$ 6.192,00.

 

Clilson Júnior
PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Senado discute reforma tributária e Aguinaldo deve apresentar relatório até 08/10

O Senado começa a discutir a reforma tributária nesta segunda-feira (19), quando a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) realiza audiência pública com especialistas no assunto. A reunião foi  solicitada…

Ruy recebe apoio para agilizar aprovação do projeto de bem estar animal

Brasília – O deputado federal Ruy Carneiro recebeu a garantia do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, de que o projeto de proteção e bem estar dos animais vai…