Agentes da Polícia Federal apreenderam documentos na Prefeitura Municipal de João Pessoa que provam aquisição do feijão que foi alvo de denúncia de compra de votos nas eleições de 2008, quando Ricardo Coutinho (PSB) foi reeleito prefeito da cidade

Na madrugada do dia 23 de setembro do último ano, membros da assessoria jurídica do PSDB flagraram um caminhão da Emlur, placas HVZ-8832, transportando toneladas de feijão preto. Ao perceberem a presença de automóveis seguindo o caminhão, o motorista levou todo o feijão para ser jogado em um aterro sanitário na cidade, às margens da BR-101.

O caso é investigado pelo delegado da Polícia Federal, Derly Brasileiro.


 

 

PB AGORA

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vereador cobra revisão participativa no Plano Diretor de Campina Grande

O vereador Olimpio Oliveira conseguiu na última terça-feira (07), na Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG), a aprovação do requerimento n° 1.170/2020 que requer a formalização do processo de reforma…

Bolsonaro precisa fazer eletrocardiograma todo dia por uso da cloroquina

Apesar de garantir que está “perfeitamente bem” no tratamento contra a covid-19, por tomar doses de hidroxicloroquina, o presidente Jair Bolsonaro precisa de avaliações cardiológicas devido ao uso do medicamento.…