PMJP dá mau exemplo e derruba árvores da Praça Deputado Fernando Milanez, no Ernani Sátiro

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) deu um exemplo, na tarde desta terça-feira (14), por que a Capital se distancia cada vez mais do título de uma das cidades mais verde do planeta, título ostentado com orgulho em um passado recente.

A derrubada de árvores, sem nenhuma explicação se tornou rotina, hoje a vítima da insensatez do órgão criado para cuidar do Meio Ambiente da Prefeitura, foi a Praça Deputado Fernando Milanez, no conjunto Ernani Sátyro.

Os pinheiros do Paraná e de castanholas que dava sombras e embelezavam a Praça foram cortados pelo tronco sob o olhar de protesto da comunidade que considerou a medida irresponsável.

De acordo com informações da equipe de motosserra da Prefeitura de João Pessoa, as árvores estavam infestadas de cupins e punha em risco a vida dos frequentadores. A informação é desmentida pela comunidade. Segundo alguns moradores, as árvores foram plantadas pela própria população a menos de 10 anos.

Informação não oficial dá conta que o ‘crime ambiental’ foi cometido para que a Prefeitura possa implantar na Praça Ernani Sátyro instrumentos para que a população possa se exercitar fisicamente.

O trabalho de derrubada das árvores foi acompanhado de perto pelo repórter fotografo Iris, cujas fotografias vão ser encaminhadas ao Ministério Público com pedido de punição para o responsável pela destruição.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Seleção empata contra Nigéria e mantém sequência de quatro jogos sem triunfo

A Seleção Brasileira empatou em 1 a 1 mais um amistoso, neste domingo (13), contra o time da Nigéria. O jogo aconteceu em Singapura, às 9h de Brasília. Com o…

Novos diretores dos hospitais Metropolitano e de Mamanguape assumem hoje

O governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), disse a imprensa que nesta segunda-feira (14) os interventores nomeados para os hospitais Metropolitano, em Santa Rita e o Regional, em Mamanguape, assumem…