Por pbagora.com.br

Ao analisar a deserção da vereadora pessoense Raissa Lacerda do PSD dos quadros da oposição ao prefeito Luciano Cartaxo na Câmara Municipal de João Pessoa, o líder da oposição vereador Marcos Henriques do PT disse que ela é que vai ter que se explicar aos seus eleitores. Ele lembrou que até pouco tempo atrás era Raissa que acendia velas para a gestão Cartaxo na CMJP.

 

“Ela ligou para mim para comunicar sua decisão e eu até tentei dissuadi-la. Mas ela deve dar satisfação aos seus eleitores”, afirmou o petista. Henriques lembrou que recentemente era Raissa que estava ao seu lado na CMJP em apoio ao protesto dos agentes comunitários de saúde contra o prefeito Luciano Cartaxo.

 

Na oportunidade os servidores chegaram a carregar o caixão simbólico feito com a foto do prefeito Luciano Cartaxo. E ainda depositaram flores próximo ao caixão e chegaram a acender velas. O velório simbólico aconteceu como forma de protesto devido à situação precária que os agentes enfrentam no dia-a-dia de seus trabalhos.

 

A vereadora Raíssa Lacerda (PSD) na ocasião segundo ele, propôs um cortejo fúnebre para a casa do prefeito, no Bairro dos Estados. "Secretário Adalberto, aprenda a tratar o povo com dignidade. Se a gente leva agente de saúde, enfermeiro, dentista, médico, a gente é maltratado. Nós vamos bater nisso incansavelmente até conseguir o direito adquirido da categoria dos agentes. O PQAVS é uma verba federal, ninguém está pedindo favor, não. Esse dinheiro está sendo usado onde", questionava Raíssa.

 

Redação

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Notícias relacionadas

Cícero diz que não recebeu planejamento ou identificação de áreas alagadas de JP

Durante entrevista à Rádio Arapuan FM, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas) detalhou a força-tarefa que está sendo realizada por secretarias para dirimir os efeitos das fortes chuvas…

Após protesto de músicos, PMJP reafirma importância do cumprimento do decreto

Após protesto realizado por músicos na frente do Centro Administrativo Municipal de João Pessoa, ontem (25), contra os novos decretos estabelecidos pela Prefeitura da Capital e Governo do Estado, a…