A Paraíba o tempo todo  |

Opinião: Tião Gomes, seu apoio a Aguinaldo Ribeiro para o Senado e a união do Avante

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A força política do deputado estadual Tião Gomes (Avante), no Brejo paraibano, é incontestável. Sua base é coesa, prova de tamanho poderio é o número de mandatos do parlamentar. Oito no total, ocupando de maneira ininterrupta uma cadeira na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

Após observar tal fato, interessante registrar seu apoio à pré-candidatura do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) ao Senado. Vem Gomes mantendo diálogo com o parlamentar do PP, alavancando amparos importantes na empreitada política que defende.

Tião Gomes está usando sua habilidade enquanto agente político não só na defesa da postulação de Ribeiro, mas também no respeito aos seus companheiros de sigla e colegas da Casa de Epitácio Pessoa. Falo de Taciano Diniz e Junior Araújo.

Ambos já declararam apoio ao deputado federal Efraim Filho (DEM), que também é pré-candidato ao Senado. Por sua vez a bancada do Avante dá sustentação política ao governador João Azevêdo (Cidadania).

Pelo que se observa a sigla tem destinos diferentes no tocante a quem apoiará para o Senado, mas continua dando aporte político ao chefe do Executivo estadual.

O Avante e sua força política

O que se pode observar, nas hostes do Avante, é a sincronia dos seus representantes. Taciano Diniz tem forte atuação vinculada ao Vale do Piancó. Júnior Araújo lidera a região do alto Sertão polarizada pela cidade de Cajazeiras.

Ainda há o deputado estadual licenciado Felipe Leitão, que assumiu a pasta do Desenvolvimento Social de João Pessoa na gestão do prefeito Cícero Lucena (Progressistas).

Leitão conta com os votos da capital e região litorânea e muito provavelmente seguirá a decisão de Cícero Lucena, que já formalizou apoio a Aguinaldo Ribeiro.

Outro componente importante reside na figura do presidente da ALPB, Adriano Galdino – hoje no PSB – mas migrará para o Avante após a janela partidária permitir.

Galdino, com força política em Campina Grande e Curimataú já informou que vem mantendo diálogo com Aguinaldo Ribeiro e Efraim Filho. No último dia 21 ele falou para a imprensa que apoiará aquele que der mais respaldo às suas pretensões políticas para 2022.

Adriano Galdino reivindica a vice-governadoria na chapa majoritária encabeçada por João Azevêdo e o apoio ao seu irmão, Murilo Galdino, que é pré-candidato a deputado federal. Como é de ser observado, o Avante tem muito poder de fogo.

O Avante está em todas as regiões da Paraíba, algo que, de certa forma, preocupa Azevêdo, pois ele terá que dialogar com todos os deputados da sigla a fim de mantê-los como aliados. Um erro político do governador e ele poderá perder o apoio completo ou parcial da agremiação partidária.

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe