Por pbagora.com.br

O deputado estadual Moacir Rodrigues (PSL) que vem protagonizando uma verdadeira crise dentro do PSL paraibano juntamente com o presidente da sigla na Paraíba, deputado federal Julian Lemos, se furtou de comentar a declaração de Julian de que irá fazer uma festa quando ele sair do PSL.

Interpelado pela reportagem do PB Agora, Moacir disse apenas que não entrará em disse-me-disse e que não sabe o que Julian pensa sobre ele, mas que sua postura é a de seguir o presidente Bolsonaro e pensar no Brasil.

“Não sei se ele pensa ou o que pensa esse rapaz [Julian], mas o momento hoje do Brasil é de crescimento e eu não vou entrar nesse disse-me-disse” declarou.

O parlamentar também fez coro à queixa do colega de partido e de ALPB Cabo Gilberto e se queixou da forma como Julian vem comandando o partido na Paraíba.

“Partido tem que ter reunião, debate interno e eu nunca fui convocado para uma reunião” revelou.

Moacir disse ainda que a sua intenção é sair da sigla caso o presidente Jair Bolsonaro saia, mas caso isso não ocorra, ele disse que a sigla deve sofrer grandes alterações não só na Paraíba, mas em todo o País.

“Eu vou deixar o PSL e seguir Bolsonaro, no dia que Bolsonaro deixar o partido das hienas eu também deixo. Eu estou esperando o posicionamento dele, se ele continuar nós vamos mudar o PSL da Paraíba e de muitos estados” disse.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Wilson Filho lista prioridades do seu modelo de gestão

Nesta sexta-feira (08) o pré-candidato a prefeito de João Pessoa, deputado Wilson Filho (PTB) divulgou um vídeo em suas redes sociais onde apresentou projetos que visam o avanço da capital…

Em nota, Maranhão avisa que candidatura de Nilvan à PMJP é irrevogável

Após especulações de que o MDB poderia declinar da candidatura própria em João Pessoa para apoiar o nome da professora Edilma Freire, do PV, o senador José Maranhão, presidente estadual…