Por pbagora.com.br

Após ter decidido se filiar ao PSD, o ex-deputado estadual Bruno Cunha Lima, pré-candidato à Prefeitura Municipal de Campina Grande, relatou que o motivo que o fez escolher o partido do prefeito Romero Rodrigues foram os diálogos. Bruno recebeu convite do DEM do deputado Efraim Filho e do MDB do senador José Maranhão.

Em entrevista a Rádio Correio FM, o prefeitável, revelou que conversou muito com Romero Rodrigues e com o ex senador Cássio Cunha Lima (PSDB) nos últimos dias, e essas conversas resultaram no entendimento de sua filiação ao partido.

– Agora é o momento de construir com o próprio partido, com a cidade, setor produtivo, entendendo que as pessoas não querem falar de política nesse momento – pontuou em alusão ao avanço do coronavírus no país.

Bruno foi questionado se sua filiação estaria vinculada a uma confirmação do chefe do Executivo campinense em apoiar sua pré-candidatura ele afirmou que não é o momento para falar especificamente sobre política e que essa definição virá em seguida.

– Se a gente entender que nesses próximos dias há espaço para se falar sobre política partidária aí, internamente, juntamente com os aliados, a gente vai definir. Mas, eu acho que isso não demore muito mais de 30 dias não – finalizou.

SL
PB Agora

Notícias relacionadas

Prefeita de Rio Tinto, Magna Gerbasi, é extubada e está consciente

A prefeita da cidade de Rio Tinto, Magna Gerbasi, internada em um hospital de João Pessoa desde o final do mês de abril por conta da covid-19, foi extubada no…

Pedro Cunha Lima se reúne com Nilvan e convida comunicador para o PSDB

Licenciado da Câmara dos Deputados, em Brasília, o presidente do PSDB da Paraíba, Pedro Cunha Lima, segue com sua agenda buscando fortalecer a legenda para as eleições do ano que…