Pré-candidato à reeleção, o  senador Raimundo Lira voltou a defender, nesta quinta-feira (14), em entrevista, uma coligação entre o PMDB e o PSB para as eleições de 2018.

Como aliado do governador Ricardo Coutinho (PSB), Lira disse que vai tentar convencer o socialista a aceitar o senador José Maranhão (PMDB) como seu candidato,substiuindo assim, o secretário João Azevêdo.

Os dois partidos se uniram no segundo turno das eleições estaduais, culminando com a reeleição de Ricardo Coutinho. 

“O PMDB marcha unido, com Zé Maranhão e com todo o partido. Minha tese e preferência é no sentido de que o PMDB se coligasse com o PSB, que Maranhão fosse candidato de Ricardo, venho lutando com esse plano a mais de um ano”, disse.

Lira confirmou a sua pretensão de se reeleger ao Senado Federal e revelou que tem ‘corrido o Estado’, visando sua candidatura.

“Oficialmente a gente não pode firmar a candidatura, mas estou correndo o estado e estou pleiteando a reeleição, tenho reiterado essa posição minha”, concluiu.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MP arquiva inquérito que investigava ato do ex-governador RC

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) homologou o pedido de arquivamento de um inquérito civil público que investigava o ex-governador, Ricardo Coutinho (PSB), por uma suposta improbidade administrativa relacionadas às…

“Não vamos desistir”, diz Wilson Filho sobre tolerância em estacionamentos

O deputado estadual Wilson Filho (PTB), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Consumidor, lamentou a falta de interesse dos shoppings em construírem um consenso junto à Frente e aos…