Não haverá alteração, mínima que seja, na relação política da presidente da Câmara de Vereadores de Cabedelo, Graça Rezende, com o prefeito Vítor Hugo, por conta da filiação do ex-prefeito Dédo Rezende (foto), no Solariedade do ex-deputado federal Manoel Júnior. É o próprio Dédo, esposo de Graça, que faz tal afirmação, salientando que o próprio Manoel Júnior torce pelo sucesso da atual gestão administrativa da Cidade Portuária.

A relação política de Dédo com Manoel Júnior, segundo o próprio ex-prefeito, é relativamente antiga, remonta aos tempos de grande efervescência eleitoral do então PMDB, agora MDB, capitaneado – e continua – pelo ex-governador e atual senador José Maranhão.

Para o ex-prefeito, o que mais o autoriza a ter tomado a decisão que agora ele tomou – a de mudar de sigla partidária – é o modelo de gestão pública que está sendo implementado, por Vítor Hugo, em Cabedelo.

“Parece estranho, mas ele (Vítor Hugo) está conseguindo administrar nosso município, com apoios políticos supra-partidários ”, afirma Dédo Rezende, ressaltando que Cabedelo já vem passando por um grave surto de desenvolvimento social e econômico, com elevada repercussão na qualidade de vida da população.

 

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vereadora acusa colega de desconhecer regimento da CMJP

Ao se unir a entidades LGBT e feministas a vereadora pessoense Sandra Marrocos (PSB), acusou a colega de parlamento vereadora Eliza Virgínia (PP), de desconhecer o regimento da casa ao…

2020: deputado aliado de João defende a unificação da oposição em CG

Pré candidato a prefeito de Campina Grande, o deputado estadual Inácio Falcão (PCdoB), defendeu, nesse fim de semana, a unificação da oposição para enfrentar o candidato a ser apresentado pelo…