Neste sábado,14, o deputado federal Julian Lemos desabafou nas suas redes sociais sobre a morte do ex- ministro Gustavo Bebianno, aos 56 anos, vítima de um infarto fulminante.

Julian diz que para ele, Bebianno era como um irmão e em seu desabafo chega a dizer que o ex-ministro teria morrido de tristeza.

Nas suas redes sociais Julian lamentou a morte do amigo, que declarou ter sido um dos homens mais íntegros e leais que ele já conheceu na vida.

Julian ainda disse que o amigo teria morrido de tristeza.

Perdermos um dos homens mais íntegros, leais, destemidos e honestos que já conheci na vida e que esse país já teve, Dr. e Ex Ministro Gustavo Bebianno, meu amigo meu irmão.
É com pensar e muita tristeza que recebi essa terrível notícia.
Bebianno foi um dos mais importantes nomes que viabilizaram a mudança desse país, o tempo dirá, a história absolve os bravos e condena os covardes.
Esse homem que foi atacado em sua honra, jogando na lama por covardes que o mataram de tristeza, jamais negociou sua dignidade, mas o Justo Juiz não dorme, e haverá de fazer justiça.
Meu amigo e irmão Bebianno era bom demais para viver nesse mundo pobre do poder, era um homem leal ao Brasil. Bebianno amava sua família, seus cachorros, e adorava sua vida simples no sítio.
Quem o conhecia de perto, sabia que ele tinha como sua marca, a generosidade, lealdade, coragem e bondade, como sempre lhe dizia meu amigo, você era melhor do que eu, que tristeza irmão Bebianno sinto hoje, que tristeza meu amigo, que frustração sinto, mas irei ser o que sempre fomos, feitos de coragem.
Deus te receba em seus braços irmão.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cícero Lucena revela que cogitou disputar Prefeitura de João Pessoa

Longe da política, o ex-senador da Paraíba, Cícero Lucena (PP), revelou em entrevista que cogitou a possibilidade de retornar à vida pública, após deixar o PSDB e filiar-se ao Partido…

Galdino defende unificação das eleições e uso do fundo partidário no combate a Covid-19

Focado em concentrar forças em ações de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19), o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, defendeu o adiamento das eleições municipais para o ano…