O deputado Guilherme Almeida declarou ao portal PB Agora que não vai dar nenhuma declaração sobre a decisão do PSB de impedir sua posse na Secretaria de Interiorização do governo Maranhão III, nem sobre a ata da reunião do dia 26 de novembro de 2008 que consta que foi decidido entre os parlamentares do PSB não participar do governo Maranhão.

Ele não diz nem que é verdadeira ou falsa a ata da reunião e que está se resguardando para somente na Tribuna da Assembléia, na terça-feira (2) se pronunciar e reportar quais serão suas atitudes daqui para frente.

Guilherme Almeida afirmou também que estava esperando a oficialização da decisão do PSB de lhe expulsar do partido caso aceite o convite do governador José Maranhão, para assumir a secretaria.

“Agora tenho documento. Não adiantava você ficar escutando na rádio, vendo na mídia representantes da executiva do partido falaram sobre a minha expulsão. Até então, tudo era só especulação. Então vou me resguardar e somente na terça-feira é que vou me pronunciar”, afirma

O deputado informa que o convite foi aceito desde a segunda-feira do carnaval (23) e que está somente aguardando o governador marcar a data da posse para poder assumir o cargo.
 

 

 

Milena Feitosa

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: a metáfora de “RC, João e a guerra em terra Tabajara”

A guerra foi deflagrada. Montgomery decidiu firmar o desembarque no Sanhauá de forma rápida e precisa, a fim de evitar maiores movimentos do exército oposicionista comandado pelo general Hideki Tojo.…

Análise: PSB-PB terá comissão provisória nacional para “remediar” conflito interno

“A diferença entre o remédio e o veneno é a dose”. Assim concluiu, certa vez, Paracels, médico e físico do século XVI. E a afirmação percorreu séculos de forma incólume,…