A Paraíba o tempo todo  |

Frente formada por PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL não faz oposição a João Azevêdo

A frente formada pelos partidos PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL, que se uniram contra o facismo e a favor da população para as eleições de 2022 não tem o governador João Azevêdo (Cidadania) como oposição. A informação foi confirmada durante entrevista essa semana à rádio Caturité FM, em Campina Grande, pela deputada estadual Cida Ramos (PSB).

Segundo ela, o grupo de partidos luta contra a estagnação econômica que o país  e diz não ao desemprego e à fome. “É uma frente em defesa da vida, em defesa das políticas públicas, em defesa do povo paraibano e brasileiro”, disse.

A parlamentar deixou claro que se governador João Azevêdo (Cidadania) estiver de acordo com as ideias apresentadas, também pode integrar o grupo.

“Não discutimos nada contra o governador, até porque até agora o governador não disse como ele se coloca diante das candidaturas e dos projetos em curso no Brasil”, adiantou.

No tocante ao PSB, a deputada adiantou que seu partido vai priorizar, além da eleição de deputados federais e estaduais, uma maior inserção eleitoral no processo de 2022.

De acordo com Cida, o partido quer organizar um campo propício para a discussão do acesso ao trabalho e à renda. Ela lamentou a realidade das atuais 33 milhões de pessoas desempregadas no Brasil e disse que é preciso que haja um projeto que se preocupe com o desenvolvimento econômico e com a inclusão social das pessoas.

 

PB Agora

 

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe