Por pbagora.com.br

Logo após o Carnaval, a Câmara Municipal da Capital (CMJP) deverá criar e instalar a ‘Frente Parlamentar em Defesa de Políticas Culturais da Cidade de João Pessoa’, com a realização de uma sessão especial na Casa e com a participação de representantes de órgãos governamentais e de entidades não-governamentais ligadas ao setor.

A iniciativa é do vereador Tavinho Santos (PTB), informando que a ‘Frente de Políticas Culturais’ será composta por vereadores representando todos os partidos que compõem o Legislativo Municipal. “Só vamos esperar passar este período de Carnaval para agendarmos a sessão especial”, adianta Tavinho.

Para a sessão especial, além de produtores, artistas, promotores culturais e representantes de órgãos oficiais, como o diretor-executivo da Fundação Cultural de João Pessoa, Walter Galvão, o vereador Tavinho também pretende convidar representantes da iniciativa privada que queiram investir em ações culturais. “Temos que acabar com esse hábito de só contar com o poder público nas atividades culturais. Temos que envolver a iniciativa privada para investir no setor”, defende Tavinho.

A ‘Frente’ terá como principais objetivos a manutenção e promoção de discussões em torno das políticas culturais para a cidade. “Temos que envolver a Câmara nessa discussão. Precisamos nos mobilizar para lutar por coisas concretas, como, por exemplo, a necessidade de João Pessoa ter um espaço definido para a realização de grandes eventos culturais”, adianta Tavinho.

Para o vereador, tanto a ‘Frente’ quanto a sessão especial vão dar início a um longo trabalho em prol das políticas culturais da Capital paraibana. “Temos que pensar e discutir a cultura como um todo: da produção do artesanato à realização de eventos musicais, passando pelas manifestações da cultura popular e pelos principais eventos tradicionais da cidade, como o Carnaval e as festas de bairros”.

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Twitter diz que post de Bolsonaro sobre ‘tratamento precoce’ da Covid viola regras

Rede social colocou alerta sobre ‘publicação de informações enganosas’. Este tipo de medida restringe a circulação do tuíte, mas ele continua disponível na rede social. O Twitter colocou por volta…

Justiça decreta bloqueio de bens de ex-presidente da Câmara de Cabedelo

A 4ª Vara Mista de Cabedelo deferiu a liminar requerida pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) e decretou a indisponibilidade dos bens até o limite de aproximadamente R$ 801 mil…