O processo de esvaziamento da prefeitura de João Pessoa para o governo Maranhão III está longe de acabar. A última transferência delas, que teve como marco a nomeação do ex-procurador-chefe de João Pessoa, advogado Marcelo Weick, na Procuradoria-Geral do Estado, foi registrada no Gabinete do governador José Maranhão (PMDB).

Trata-se do advogado Fernando Milanez Neto, filho do vereador Fernando Milanez (PMDB). Ele vai assumir cargo em comissão de Assessor de Técnico
Nível 1, do Gabinete do Governador, no Palácio da Redenção, deixando a chefia de Gabinete do vice-prefeito de João Pessoa, Luciano Agra.

A transferência parece ter sido bastante festejada pelo governo Maranhão uma vez que mereceu nota especial enviada pela Secretaria de Comunicação do Estado.

Fernando Milanez Neto, filho do vereador Fernando Milanez, tem 25 anos de idade, é formado em Direito, já foi chefe de gabinete da Secretaria
de Planejamento Estado, entre 2002 a 2004. Também atuou como assessor parlamentar da liderança do PMDB no Senado entre 2006 e 2007. É natural de
João Pessoa.
 

A nomeação dele para prefeitura surpreendeu aqueles que cogitavam que o vereador Milanez faria oposição ao prefeito Ricardo Coutinho (PSB). Com a saída, as especulações voltaram a ter força.

PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano destina emenda de R$ 2 milhões para ações de combate ao coronavírus na PB

O senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) destinou emenda parlamentar no valor de R$ 2 milhões para serem investidos nas ações de combate, prevenção e tratamento do Covid19, doença causada…

Efraim diz que rompimento do DEM com Bolsonaro não foi discutido pelo partido

Essa semana, após as últimas declarações do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido, sobre o coronavírus, principalmente o polêmico pronunciamento em que ele desconsidera a gravidade do avanço do…