Por pbagora.com.br

Ciente do posicionamento adotado durante a campanha eleitoral se colocando na oposição ao então candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro, o governador eleito da Paraíba, João Azevêdo diz não acreditar na possibilidade de retaliação ao Nordeste, assim como à Paraíba, por terem votado no candidato do PT.

João disse crer no discurso feito pelo presidente eleito, onde afirma que será o presidente de todos os brasileiros. "Nos discursos, têm sido dito que será menos Brasília e mais Brasil, e eu espero que essa lógica prevaleça. Espero que o estado da Paraíba seja tratado com o devido respeito dentro do que uma federação exige. 

O governador eleito da Paraíba afirmou catagoricamente que "a União será tratada da mesma forma que tratar o estado da Paraíba".

 

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

Prefeita de Bayeux pode ter mandato cassado por uso máquina pública em 2020

A prefeita do município de Bayeux, Luciene de Fofinho (PDT), mal iniciou seu mandato e já pode perdê-lo. Isso porque o Ministério Público Eleitoral ingressou com três ações de investigação…

Ex-prefeito de Alhandra rebate acusações de desvio de recursos

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) emitiu recentemente um alerta, sobre supostas irregularidades em licitações e dispensas realizadas pela Prefeitura de Alhandra, na Região Metropolitana de João…