Por pbagora.com.br

Depois de muita celeuma, o empréstimo de R$ 191,5 milhões do BNDES caiu na conta do governo Maranhão III. É o que revelou fonte ligada ao governo do Estado nesta quarta-feira (5) ao Portal PB Agora.

Segundo ela, todo o montante do empréstimo, aprovado no mês passado pela Assembleia Legislativa, foi transferido nesta quarta pelo BNDES para conta no governo, permitindo que já a partir deste mês o governador José Maranhão (PMDB) coloque em prática as obras e ações que anunciou.

Além desse, o governo espera liberação de quase R$ 200 milhões da Cooperação Andina, para obras de infra-estrura, cuja tramitação iniciou no governo de Cássio Cunha Lima (PSDB).

A votação do empréstimo do BNDES foi motivo de muita discussão na Assembleia Legislativa da Paraíba. A oposição alegava que o governador não detalhou para onde pretendia destinar os recursos e, por causa disso, dificultou a votação.

O discurso do governo, no entanto, venceu. Alegando que a oposição estava votando contra investimentos para Paraíba, Maranhão conseguiu fazer com que a proposta fosse aprovada. Ele diz que pretende gastar tudo com obras e ações em diversos municípios do Estado.

PB Agora

Notícias relacionadas

PB encerra a semana com a maior redução no número de mortes por covid do Brasil

Após muito sufoco nos últimos dias, a Paraíba encerrou a semana com a maior redução de mortes por Covid-19 no Brasil, na média móvel dos últimos 7 dias, e como…

Em nota, presidente da CMCG esclarece alerta do TCE a respeito de pagamentos previdenciários

Após alerta do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) relacionado a “pagamento de contribuições patronais previdenciárias abaixo da estimativa” pela Câmara Municipal de Campina Grande, o presidente da…