Por pbagora.com.br

A direção nacional do Partido dos Trabalhadores confirmou, nesta segunda-feira (05), por meio de nota à imprensa assinada pela presidente Gleisi Hoffmann, que irá recorrer da decisão que homologou a candidatura do deputado estadual Anísio Maia pelo partido, mesmo diante da deliberação nacional que determinou uma composição com o PSB na Capital da Paraíba, em apoio à candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB)

A dirigente lamentou o que considerou de interferência da justiça e lembrou que o estatuto da sigla comprova que a direção nacional é que tem legitimidade e autoridade para decidir sobre as candidaturas nas capitais, incluindo João Pessoa, e que no Estado o PT fica com o PSB.

“Já estamos recorrendo dessa decisão. A legenda vai recorrer da decisão. Lamentável o judiciário da Paraíba interferir numa questão interna do PT ou de qualquer partido e jamais recorrendo desta decisão A direção nacional do PT tem legitimidade e autoridade para decidir sobre as candidaturas nas capitais conforme o estatuto e resolução do diretório nacional. O PT é um só e vamos apoiar Ricardo Coutinho em João Pessoa integrando sua chapa”, diz a nota.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Calvário: Edilma Freire assinou contratos com empresa investigada pelo Gaeco

Calvário: documentos mostram assinatura de Edilma Freire em contratos milionários com empresa investigada pelo Gaeco A candidata a prefeita em João Pessoa, Edilma Freire (PV) assinou documentos com a Brink…

Polícia Federal nega que João Azevêdo tenha sido alvo da 9ª fase da Calvário

O delegado da Polícia Federal Conrado de Almeida, em entrevista nesta terça-feira (27), confirmou que o governador João Azevedo não foi um dos alvos da nova etapa da Operação Calvário…