A vereadora Eliza Virginia (PPS) vai se reunir na próxima segunda-feira (13), com o presidente estadual do PPS José Bernardino, para uma avaliação sobre a postura da parlamentar nas eleições 2010. O local e o horário ainda não foram definidos.

A parlamentar está sendo acusada por filiados do PPS de incorrer em infidelidade partidária, por não ter apoiado a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo do Estado.

Nessa semana, Bernardino divulgou durante entrevista à imprensa, que a vereadora tinha a opção de deixar a legenda sem ter o mandato questionado pelo PPS.

Eliza adiantou que a conversa será pacifica, mas ela revelou que a relação com o partido está estremecida devido à perda da ideologia que a legenda tomou nos últimos meses.

“Fica um clima tenso você conviver com políticos que não simpatizam com sua posição e opinião política. A convivência não flui positivamente”, comentou a vereadora.

Virginia lamentou a saída de alguns parlamentares do PPS, e disse que a migração desses políticos para outras legendas deixa o partido enfraquecido.

 

 

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em evento com policiais em SP, Jair Bolsonaro é exaltado e Doria, vaiado

O presidente Jair Bolsonaro e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que estão com as relações estremecidas, dividiram nesta sexta-feira, 11, o mesmo palco durante cerimônia de formatura…

Ganhador de enquete como o nome a ter o apoio de Cartaxo na disputa pela PMJP, Durval Ferreira mudará de sigla

Ganhador de uma enquete realizada pelo portal PB Agora o vereador licenciado e atual secretário de Ciência e Tecnologia da prefeitura de João Pessoa, Durval Ferreira (PP) que teve o…