Eleição na ALPB: Lindolfo Pires quer que próximo presidente seja da base de RC e Ludgério ressalta que tem o nome lembrado para ocupar cargo

Defensores da candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) para o Governo do Estado desde o 1º turno nas eleições na Paraíba, os deputados Lindolfo Pires (DEM) e Manoel Ludgério (PDT) já iniciaram as articulações para ocupar a presidência da Assembléia Legislativa da Paraíba no próximo mandato.

Enquanto Pires ressalta que o novo presidente deve ser um dos deputados que apoiou Ricardo Coutinho, Manoel Ludgério ressalta que tem o nome lembrado pelos colegas de parlamento.

Os pretensos candidatos, Pires e Ludgério têm em comum o fato de ambos serem defensores do Governo Ricardo Coutinho desde a época das convenções.

“Se o meu nome vier a unir e se essa for à intenção do novo colegiado a partir de fevereiro, eu me sentirei muito honrado e me sinto com todas as condições de presidir o Poder Legislativo do nosso Estado. Agora se qualquer outro, inclusive o atual presidente da Casa, Ricardo Marcelo, além dele qualquer outro que possa unir muito mais do que o meu nome, este independente de coloração partidária terá o meu apoio”, disse Ludgério.

Também com um discurso de candidato, Pires que já deixou o nome a disposição ressaltou que defende uma Mesa eclética, composta por integrantes de todas as bancadas do parlamento.
 

 

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

7 x 0: TRE-PB rejeita ação de Janduhy e mantém Felipe Leitão na ALPB

Em um placar unânime, o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) rejeitou, em julgamento nesta quinta-feira (5), o pedido do ex-deputado e presidente estadual do Patriota, Janduhy Carneiro, para que…

Vené apoia mobilização da FAMUP contra extinção de 68 municípios da PB

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) recebeu nesta semana em Brasília, durante mobilização em defesa de pautas municipalistas e contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC)…