O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) repudiou, na tribuna da Câmara Federal, as declarações feitas por Jair Bolsonaro contra os governadores do Nordeste, sobretudo, com ataques dirigidos aos Governadores da Paraíba, João Azevedo e Flávio Dino, do Maranhão.

“Afirmar que não tem que ter nada para os governadores do Nordeste é uma atitude ditatorial. E condicionar a liberação de recursos só para quem manifestar apoio ao governo é um crime. O presidente afirmou isso claramente. Não é possível admitir uma coisa dessas, vinda de um Presidente da República”, disse Frei Anastácio.

O parlamentar ainda saudou os governadores do Nordeste, bem como o povo Nordestino e disse que é necessário pautar uma agenda positiva republicana de desenvolvimento.

“Não podemos ficar à mercê da agenda econômica de Jair Bolsonaro que aniquila o povo mais humilde. Quero dizer a Bolsonaro que o governo da Paraíba, desde Ricardo Coutinho, é um exemplo de gestão para o Brasil”, afirmou.

O deputado citou ainda que o estado está com as contas em dia, paga aos funcionários dentro do mês trabalhado e investe em obras com recursos próprios. “Se Bolsonaro não respeita o Nordeste, nós iremos continuar a construir um Nordeste promissor e democrático com a força de um povo resistente e trabalhador”, finalizou Frei Anastácio.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: RC vê conotação política em escritório arrombado. Acha que há mandantes

Em resposta a questionamentos da coluna, o presidente da Fundação João Mangabeira e ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), disse, na madrugada deste domingo (18), não ter dúvidas de que…

Opinião: a metáfora de “RC, João e a guerra em terra Tabajara”

A guerra foi deflagrada. Montgomery decidiu firmar o desembarque no Sanhauá de forma rápida e precisa, a fim de evitar maiores movimentos do exército oposicionista comandado pelo general Hideki Tojo.…