O clima inda tenso entre o deputado estadual Moacir Rodrigues, do PSL e o deputado federal e presidente estadual do PSL Julian Lemos ainda respalda no discurso do parlamentar federal é o que demostrou ontem (21), em entrevista a uma emissora de rádio de Campina quando questionado sobre o apoio do seu partido nas eleições municipais de 2020 na Rainha da Borborema.

Segundo Julian Lemos (PSL) seu partido ainda não tem uma definição quanto ao apoio ao nome a ser indicado pelo prefeito Romero Rodrigues (PSD) na disputa pelo Palácio do Bispo, em 2020. “vai depender do nome” escolhido pelo prefeito.

Há poucos dias o irmão do prefeito, Moacir Rodrigues deu uma entrevista à Folha de São Paulo detonando a gestão de Julian a frente do partido na Paraíba. Na reportagem, o deputado estadual Moacir Rodrigues, do PSL, reforça sua insatisfação com a condução dada pelo deputado federal Julian Lemos (PSL), ambos de primeiro mandato. Moacir, conforme a reportagem, acusa Julian de ser uma pessoa que não escuta ninguém e de se portar tal qual um coronel.

“Entendemos que a nova política se faz com democracia. Mas, infelizmente, estamos sob a direção de um coronel, uma pessoa que não escuta ninguém”, declarou Moacir, na entrevista à Folha.

VEJA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA
PSL racha nos estados com embates públicos, áudios vazados e até troca de socos

Redação

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Delegado Waldir recua e diz que irá ”pacificar” a bancada do PSL

Horas depois do vazamento de um áudio em que o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), ameaça “implodir” o presidente Jair Bolsonaro com a divulgação de informações comprometedoras,…

Bruno afirma ter apoio de vereadores de Romero para disputar PMCG

Prestes a se encontrar com o ex senador Cássio Cunha Lima (PSDB), para discutir a sucessão municipal de 2020, o ex-deputado Bruno Cunha Lima, e atual secretário-chefe do Gabinete do…