A Paraíba o tempo todo  |

Cássio desvincula campanha de Romero a nome de Bolsonaro em 2022: “O eleitor é soberano”

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Após coletiva do PSDB que foi realizada nessa quinta-feira, dia 29, em João Pessoa, o ex-senador Cássio Cunha Lima, que juntamente com toda a cúpula do PSDB na Paraíba e apoiadores, anunciaram que marcharão com o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, do PSD, na sua candidatura ao governo do estado em 2022, desvinculou a campanha de Romero do nome do presidente Bolsonaro.

De acordo com Cássio, a eleição nacional tem características que muitas vezes não comungam com a eleição local, por isso, cada pleito, apesar de alianças ou parcerias que sejam feitas nacionalmente, tem que ser avaliados em suas particularidades, cabendo ao eleitor o livre arbítrio de votar em quem achar mais competente e não por conta de apoios ou vinculações com o presidente.

“A eleição nacional tem suas características que, muitas vezes, não comungam com a eleição local. Já vivemos isso. Não será a primeira, você pode ter uma composição da chapa com o candidato a governador vota num candidato a presidente, um candidato a governador vota em outro, ou até mesmo dissidências. Me lembro quando me elegi a primeira vez em 2002 existia um comitê suprapartidário me apoiando e tinha um comitê da dissidência do PT que usava um slogan que era Lula lá e Cássio Cá. Então o eleitor é livre para fazer as escolhas, já não há mais o voto vinculado como aconteceu no passado. Na ditadura vinculava-se o voto justamente para tolher a liberdade de escolha do eleitor. O eleitor é soberano, ele vai escolher de forma múltipla. A soberania do voto é exercida pelo eleitor. É necessário ter compreensão disso. Vamos somar forças e olhar para Paraíba”, ressaltou.

Essa não é a primeira vez que o nome de Romero é afastado do de Bolsonaro. Há pouco tempo o próprio ex-prefeito durante entrevista à rádio Correio FM de João Pessoa, disse que não tem problemas para conversar com direita ou esquerda e que não atrelará necessariamente sua campanha ao presidente.

Já Bolsonaro também durante entrevista a uma emissora de rádio de João Pessoa, não poupou elogios a Romero, deixando de lado inclusive fervorosos apoiadores da Paraíba, que não chegaram nem a ser citados por ele.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe