Briga no PPS: Bruno Farias diz que Eliza Virgina pode ser punida no conselho de ética do partido: “Ela pode ser expulsa ou ter a legenda negada”
 

 

Os contundentes pronunciamentos feitos pela vereadora de João Pessoa Eliza Virginia (PPS) contra o projeto político encabeçado pelo governador eleito Ricardo Coutinho (PSB), pode ter desdobramentos na instancia partidária e a parlamentar pode ser punida no diretório municipal do PPS, foi o que assegurou em entrevista ao PB Agora, o líder da bancada do governo na Câmara Municipal o vereador Bruno Farias (PPS).
 

“O presidente municipal do partido Fábio Carneiro me disse que houve uma denuncia verbal contra o posicionamento da vereadora e nos próximos dias uma denuncia escrita será protocolada contra ela”, disparou.
 

Segundo Bruno Farias a vereadora Eliza discordou de todas as instancias partidárias e que o estatuto do partido precisa ser respeitado. Como punições, Eliza pode ser expulsa do partido, ou ter negada a legenda para tentar a reeleição do mandato.
 

Henrique Lima

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

De malas prontas para o PT, Sandra Marrocos estimula rompimento no PSB

Citada como uma das vozes que estaria pregando a desunião no jardim girassol, a vereadora Sandra Marrocos, atualmente filiada ao PSB paraibano, não tem economizado declarações para apimentar ainda mais…

Líder na ALPB diz ser contra privatização das BRs 101 e 230 na Paraíba

Em entrevista à imprensa paraibana o ex-deputado federal e líder do bloco governista o deputado estadual Wilson Filho (PTB) opinou sendo contrário, a inclusão dos trechos das BRs 101 e…