Não mais será realizada, nesta quinta-feira, a sessão especial na Câmara de Vereadores de João Pessoa marcada para discutir a retirada das barracas na Praia do Bessa. Surpreendentemente, o requerimento do vereador Bruno Farias (PPS), sugerindo a sessão, sofreu um duro golpe em menos de 24 horas: três das 12 assinaturas apostas no documento foram retiradas, inviabilizando pelo Regimento Interno a reunião que teria a participação de representantes de todos os segmentos envolvidos na questão.

Os vereadores Evandro Sérgio de Azevedo Araújo (Sérgio da SAC), Edmilson Ferreira Alves (Pastor Edmilson) e Ronivon Ramalho Diniz (Mangueira) anunciaram a retirada de suas assinaturas.

Indignado, o vereador Bruno Farias promete não arrefecer na luta contra a decisão da Prefeitura de retirar os comerciantes que há décadas trabalham à beira-mar no Bessa.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Genival reafirma apoio à oposição em Cruz do Espírito Santo para 2020

O deputado e presidente do Avante estadual, Genival Matias, deu início a uma série de conversas com a oposição de Cruz do Espirito Santo, objetivando delimitar campos, estratégia e até…

Emenda Impositiva: vereador ameaça entrar com 2ª notícia crime contra Cartaxo

O vereador de João Pessoa, Bruno Farias, ingressou com um pedido de notícia crime no Ministério Público da Paraíba contra o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV). De acordo…