Por pbagora.com.br

O ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), durante entrevista à rádio Sanhauá AM, na tarde desta sexta-feira (13), adotou o discurso de falta de provas para se defender das acusações que recaem sobre ele no âmbito da Operação Calvário.

Na entrevista Ricardo tachou como “mentira total” tanto as acusações de Daniel da Cruz Vermelha, como dos delatores da Operação, entre eles Livânia Farias e Ivan Buruty.

Comparando a operação realizada na Paraíba, com a Lava Jato, Ricardo adotou o mesmo discurso de falta de provas adotado pelo ex-presidente Lula.

“Estou sendo acusado injustamente. Daniel representava a Cruz Vermelha portanto eu tinha que falar com ele. Com relação à mesada isso é mentira total, um absurdo. Eu sou um cara correto. É mentira quando diz que eu fui pro carnaval, fui pra Búzios, eu nunca fui. Diz que fui pra o Rock in Rio eu nunca fui. Eu não pedi ingresso, eu disse que eu iria. Assassinam-se reputações e quando você olha, cadê a prova disso? declarou.

PB Agora

Notícias relacionadas

Levantamento do PB Agora contabiliza 10 nomes cotados para disputar única vaga da Paraíba no Senado em 2022

Um levantamento feito pela reportagem do PB Agora contabilizou ao menos dez nomes cotados para ingressar na disputa pela única vaga da Paraíba no Senado Federal nas eleições de 2022.…

Projeto Social apoiado pela prefeitura de Bayeux vira chacota por erro gramatical

Por meio das suas redes sociais, a prefeita da cidade de Bayeux, Luciene Gomes (PDT), divulgou, neste fim de semana, um projeto social apoiado pela sua gestão denominado: Irmã Geni.…