Por pbagora.com.br

Começa o jogo sujo da campanha. Pelo menos ao que tudo indica…

A coisa tem contornos de armação contra a pré-candidatura do comunicador Nilvan Ferreira (MDB): A coluna recebeu, nesta quarta-feira (12), três áudios jogados em grupos de whatsapp, supostamente gravados por integrantes da “Alkaida”, orquestrando um apoio maciço da facção à pré-candidatura emedebista.
Carregando no sotaque e na gíria, o suposto “elemento” da facção criminosa sugere que a melhor opção seria votar em Nilvan Ferreira para prefeito de João Pessoa, para evitar o “risco” de o delegado e deputado Wallber Virgolino se eleger sucessor do prefeito Luciano Cartaxo.

 

Transcrição

A coluna transcreve agora os áudios da provável armação contra Nilvan Ferreira.

Áudio 1: “E aí meus irmão, tá ligado né? É nóis. Então, se liga só aí na ideia: Temos que metê a mola pra elegê Nilvan. E ele tem que sê o prefeito da Capital. Porque tá ligado né, meus parceiro, se não fô ele quem vem é o delegado Virgolino. E nós sabemos que esse Wallber é embaçado, vai butá pra fudê em nóis geral parcero. Esse bicho é embaçado geral, homi, dá certo não. Vamos fazer de tudo pra Nilvan no comando da cidade, pô. Porque senão vai dar errado geral pra nóis, essa parada aí.

Áudio 2: “pois é meu parceiro, tem que tá ligado; é o crime parceiro, vamos votar pelo certo “homi”; nós corre pelo certo ‘homi’; vamo votar em puliça não, tá ligado? Tem que corrê pelo bem da facção. É o crime, crime,é o crime ‘homi’.

Áudio 3: E aí essa malandragem; se liga aí rapaziada. Vamo pegá uma visão parcero e passá o salve pra geral nas comunidade aí, tá ligado, que fechá com nóis, tá ligado, meu parceiro? As comunidade que fecha com nóis na pureza, aí no certo e no justo, no correto tá ligado? A ideia é uma só (frase inaudível). E nóis tem que botar Nilvan, porra, pra sê o prefeito. Vamo chamá todo mundo aí, família, amigo, todo mundo que fecha com nóis aí; nóis da “Alkaida” pra butá Nilvan aí, pô, no comando da cidade. Então, vamo acioná geral aí porra. E quem fechá com nóis, “Alkaida”, tá ligado? Geral de ponta a ponta, parceiro. É demorô, É Nilvan, é nóis aí porra. Wallber Virgolino tá embaçado demais; Não pode acontecê não, tem que sê Nilvan. Então, passa a visão pra todo mundo aí, tá ligado? É nóis, boy.”

OUÇA

Estranho

É notoriamente estranho que o suposto líder da “Alkaida” acredite que só Nilvan Ferreira poderia evitar a chegada de Wallber Virgolino ao cargo de prefeito de João Pessoa. Por que não Cícero Lucena? Por que não Ricardo Coutinho? Que são grandes ases de ouro de uma partida que promete ser bem disputada?

Também soa muito estranho a suposta bandidagem acreditar em que o deputado Wallber Virgolino esteja mesmo com essa bola toda, com cacife suficiente para se eleger. Também soa estranho que os tais “elementos” acreditem que, estando Nilvan na Prefeitura de João Pessoa, seria mais tolerante com o crime do que Wallber Virgolino, Cícero Lucena ou qualquer outro.

Pode até ser que esses áudios sejam verdadeiros, o que a coluna não acredita muito. Mas o simples fato de estarem espalhados nas redes sociais denota uma intenção dolosa pra prejudicar a pré-campanha de Nilvan.

 

Wellington Farias

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Coletivo petista rejeita Anísio e anuncia apoio a RC e Barbosa pela PMJP

Contrariando a informação que a chapa proporcional do Partido dos Trabalhadores em João Pessoa apoiaria de forma unânime e irrestrita a candidatura impugnada de Anísio Maia, o Coletivo Nossa Voz,…

Bolsonaro fará ‘conexão’ em CG nesta semana e levanta tese sobre campanha

Apesar de ter afirmado que não iria apoiar nenhum candidato no primeiro turno das eleições municipais, em nenhum lugar do país, incluindo a Paraíba, o presidente da República, Jair Bolsonaro…