Por pbagora.com.br

Vice-presidente do PP da Paraíba, deputado estadual Aguinaldo Ribeiro negou veementemente, na noite desta quinta-feira (19) que estaria aderindo à base de sustentação do governador José Maranhão (PMDB), recém-empossado no lugar do governador cassado Cássio Cunha Lima (PSDB).

“Não conversei com ninguém e ninguém tem procuração para falar em meu nome”, disparou Aguinaldo Ribeiro. Ele disse que o PP vai fazer oposição ao governo Maranhão. “Infelizmente, foi o TSE que decidiu qual posição o PP deve ficar: na oposição”, completou.

O deputado, que estava na Secretaria de Ciência e Tecnologia, Recursos Hídricos e Meio Ambiente, retornar à Assembléia logo após o Carnaval.

PB Agora

Notícias relacionadas

João Azevêdo e Cícero Lucena discutem parcerias em nova audiência

O governador João Azevêdo (Cidadania) e o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Porgressistas), voltam a se se reunir nesta quarta-feira (27), para debater novas parcerias entre o Estado e…

Opinião: a proposta irresponsável e genocida defendida por Wellington Roberto

A proposta que o deputado federal paraibano, Wellington Roberto (PL-PB), defendeu em entrevista ao programa Arapuan Verdade é excludente, irresponsável e genocida. Num cenário de pandemia, em que há uma…