A cada dia que passa eu fico mais convencido de que a política na nossa Paraíba é mesmo hilária – infelizmente. Isso porque, enquanto os atores brigam, brincam, se divertem, a população fica cada vez mais prejudicada.

Todos lembram que, no início do governo de José Maranhão, em fevereiro do ano passado, aliados do ex-governador Cássio Cunha Lima – e até mesmo o próprio Cássio – diziam que Maranhão estava recebendo o novo Hospital Regional de Emergência e Trauma de Campina Grande praticamente concluído. Cássio, em discurso, disse por
diversas vezes, na última campanha, que o hospital tinha mais de 90 das obras concluídas.

Durante a campanha, também, aliados cassistas cobravam a inauguração do hospital, questionando o porquê de José Maranhão não inaugurá-lo, pois já estava pronto para funcionar e o seu não funcionamento prejudicava o povo.

Pois não é que agora estes mesmos aliados dizem que o hospital não está pronto, que não tem condições de funcionamento e coisas do tipo… Diante disso, é de se perguntar: e a população, onde fica? Ricardo Barbosa chegou a questionar: ‘porque tanta pressa em inaugurar o hospital?’ Ouso até a responder: porque tanta pressa? Deputado: a população pede pressa, a população precisa do hospital o mais rápido possível.

E tem mais: a população não quer saber se o hospital foi construído por Cássio ou por Maranhão. A população quer o serviço em seu benefício. Portanto, frases como as que escutei nas emissoras de rádio de Campina nos últimos dias, a exemplo de “Maranhão quer inaugurar o hospital de Cássio” ou “Cássio quer para si a paternidade do hospital de Maranhão” ou até mesmo “este será o hospital de Ricardo” soam como oportunistas e totalmente desnecessárias.

A história da destinação das emendas para Campina Grande – que, claro, será alvo de comentário meu aqui neste espaço, é só aguardar – segue a mesma linha, com a cidade perdendo emendas de parlamentares que foram muito bem votados em Campina, diga-se de passagem, destinando suas emendas para João Pessoa – nada contra a capital, não me entendam mal – e até mesmo para Pernambuco – nada contra o estado vizinho também.

Eu só acho – e todos devem concordar comigo – que João Pessoa e Pernambuco já tem seus representantes, que, inclusive, destinaram suas emendas para a capital. O pior é que o motivo alegado por quem não destinou as emendas para Campina é a questão política mesmo – nem isso foi disfarçado. Pena…

Meu Deus, até quando teremos esse tipo de coisa na nossa Paraíba cansada de guerra?

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ganhador de enquete como o nome a ter o apoio de Cartaxo em 2020, Durval Ferreira mudará de sigla

Ganhador de uma enquete realizada pelo portal PB Agora o vereador licenciado e atual secretário de Ciência e Tecnologia da prefeitura de João Pessoa, Durval Ferreira (PP) que teve o…

“Tudo vai depender da situação de cada município”, diz Wilson sobre efeitos das mudanças em 2020

Indicado pelo presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, como o coordenador  no Nordeste  responsável pelas eleições municipais de 2020, o deputado federal paraibano e presidente estadual do PTB Wilson Santiago,…